Tempo:

Rio Grande do Sul pode ter aumento de 10,5% da área do trigo

Se o dado se confirmar, o Estado deve elevar o total de 930 mil para 1,02 milhão de hectares de área plantada.

Publicado em: 08/06/2021

Um levantamento inicial da Federação das Cooperativas Agropecuárias (FecoAgro- RS) aponta aumento de 10,5% na área do plantio de trigo neste ano no Rio Grande do Sul. Se o dado se confirmar, o Estado deve elevar o total de 930 mil para 1,02 milhão de hectares de área plantada.

Outras projeções mostram ainda um crescimento maior, de 15%, colocando essa como a maior área de trigo no estado em sete anos. O estímulo para isso vem de várias frentes, desde a demanda crescente para alimentação animal até a maior capacidade financeira do produtor para investir nas culturas de inverno no próximo ciclo. Os preços atrativos também deixam a atividade mais rentável e levam o produtor a aumentar sua área de plantio.

Já em nível nacional, segundo a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), a área de trigo deve crescer 4,9% no ciclo 2020/21, somando 2.457 milhões de hectares. Com isso, a produção esperada é de 6,6 milhões de toneladas, um aumento de 6,5% e a produtividade em 2.702 kg/ha, avanço de 1,5%.